AGENTE DO SIC MATA ENFERMEIRO A TIRO

0
538

O Subinspector do Serviço de Investigação Criminal Yuri António de Melo, de 39 anos, que exerce a função de Chefe de Departamento Interino do município sede, da província de Malanje, encontra-se detido por supostamente atingir mortalmente com um tiro, um enfermeiro de 30 anos de idade.

Engrácia Francisco

Tudo aconteceu, quando Yuri Melo, o oficial acusado, encontrava-se a consumir bebida alcoólica numa roulote denominada “Angola Jovem”, em companhia de amigos.

Dado ao presumivel estado de embriaguez do acusado, este desentendeu-se com Emanuel Francisco Ganga, a vítima, de 30 anos, com quem convivia no mesmo estabelecimento, tendo empunhado uma arma de fogo do tipo pistola, de marca Jericho efectuou disparos, onde um dos projectil antingiu mortalimente aquele jovem enfermeiro.

A bala atingiu a região torácica do lado esquerdo, com saida do lado oposto. De salientar que, o cadáver foi removido do local e depositado no necrotério do Hospital Regional de Malanje, para actos subsequentes.

Emanuel Ganga residia no bairro Ritondo. Enfermeiro de profissão, estava colocado no município de Cahombo, província de Malanje.

De acordo com o comunicado de imprensa divulgado pela Direcção de Comunicação Institucional e Imprensa da Delegação Provincial do MNINT, o implicado já foi presente ao Ministério Público para interrogatório e a regularização da prisão preventiva.

Foi igualmente apreendida a arma de fogo do tipo Jericho, com oito munições.

O suspeito é reincidente

O acusadoO suspeito Yuri António de Melo, de 39 anos, actualmente Chefe de Departamento Interino do Município Sede, em Malanje, está igualmente arrolado no processo-crime número 5114/21, onde foi vítima de assassinato o Chefe de Departamento Municipal do SIC Massango, Subinspector de Investigação Criminal Mauro Denilson Bravo Figueira, ocorrido no dia 12 de Setembro de 2021, no bairro Cangambo, em Malanje.

Share this:

Leave a reply