CIDADÃO MORTO POR POPULARES QUANDO TENTAVA SUICIDAR-SE APÓS ASSASSINAR SUA ESPOSA NO UÍGE.

0
1140

Uíge: Uma cidadã nacional de 32 anos de idade doméstica, foi morta por espancamento na manhã desta terça-Feira, 10 de Agosto, no Município de Negage.

A acção foi praticada por um cidadão nacional de 33 anos de idade camponês, ex-esposo da infeliz.

O facto teve lugar na Aldeia Pumba, Comuna do Quisseque Município do Negage, numa altura em que o casal já estavam separados há 8 meses. E nesta segunda-feira o acusado compareceu na residência da infeliz, onde pretendia a reconciliação, sem sucesso, desentenderam-se tendo o agressor desferido golpes em várias regiões do corpo causando-lhe lesões na bexiga, socorrida para o centro médico local, onde momentos depois acabou por falecer.

O acusado vendo a sua ex esposa morta, tentou suicidar- se mais sem sucesso, por ter sido impedido de o fazer, por supostos familiares da vítima, que em retaliação o agressor foi barbaramente espancado pela população, socorrido para o hospital Municipal do Negage, ao longo da caminhada não registiu acabou por sucumbir.

Refira-se que os restos mortais foram transladados para a morgue do Hospital Municipal do Negage, porquanto deligências prosseguem para detenção dos autores da retaliação.

Comentários do Facebook

Leave a reply