Detido presumível assassino do ex-procurador militar

0
557

O Serviço de Investigação Criminal (SIC), deteve na passada sexta-feira, 13, um dos presumíveis assassino do ex-procurador militar jubilado da região de Benguela, António de Farias, ocorrida na marginal do Sumbe, província do Cuanza-Sul.

O acusado identificado por Gelson Tchipindo Aguiar Capapelo, vulgo ‘Pabalé’, 19 anos de idade, foi detido pelos agentes do SIC, mediante um aturado trabalho investigativo, na Centralidade do Kibaúla, município do Sumbe, por volta das 22h25′ do dia 12/05/2022, o mesmo confessou o crime que contou com a participação de dois outros cidadãos já identificados por Bruno António Kupira “BK” e Danaik, ambos em fuga. 

O caso ocorreu por volta das 5h30′, do dia 11 de Março do corrente ano, na marginal da praia do Sumbe, em que foi vítima António Ferro de Farias, Procurador Militar Jubilado. 

Acção foi motivada, quando, por meio de interpelação à vítima, que praticava exercícios físicos, pretendiam roubar-lhe o telemóvel, dado que este não trazia consigo ao ser revistado, um deles desferiu um golpe na região vital, numa altura que se defendia do assalto, tendo morte imediata. 

Realçar que no momento da detenção foi possível apreender a faca utilizada, como matéria probatória do crime.

O acusado diz ser pescador da zona e só atacou o procurador militar por legítima defesa. “Ele estava a praticar exercícios e logo que me viu assustou e de seguida me atacou. Começamos a lutar cerca de 20 minutos. Como ele era mais velho e tinha um porte físico superior, tirei a faca e disferi-lhe um golpe”, contou o presumível assassino.

Comentários do Facebook

Leave a reply