DETIDO FALSO FUZILEIRO NAVAL NO AMBRIZ

0
799

Um cidadão de 26 anos, que se fazia passar por efectivo das Forças Armadas Angolanas e recrutava jovens que o pagavam para serem enquadrados no órgão foi, nesta semana, detido no Ambriz, província do Bengo.

“Comandante Marchal” é o nome que o acusado usava para extorquir valores até cem mil kwanzas, com a promessa de um futuro enquadramento nas FAA.

Para o efeito, esclarece o Serviço de Investigação Criminal, arrendou duas casas no município do Ambriz, onde acomodou jovens provenientes da província do Huambo.

O mesmo concorre à prática do crime de falsa identidade (tenente de corveta de fuzileiros navais) e burla por defraudacão (enquadramento de 27 jovens nas FAA).

“Durante a detenção, os especialistas do SIC apreenderam algumas películas pretas, em formato de notas de dólar, que se encontravam em posse do acusado, bem como uniforme militar.

Comentários do Facebook

Leave a reply