Na Samba: MARGINAIS ASSALTAM CASA DE PEIXEIRA E ROUBAM AKZ 12 MILHÕES

0
1224

O assalto aconteceu na madrugada de 8 de Abril, quinta-feira e, para além dos valores subtraídos da residência, os marginais, em número de aproximadamente 11 pessoas, efectuaram dois disparos, um deles atingindo a dona de casa na perna esquerda.

Neusa Lima

Eram por volta da 1 hora de madrugada, quando os suspeitos, todos encapuzados e munidos de armas de fogo, escalaram o muro da casa da senhora Xinda Manuel, uma peixeira de 47 anos de idade. Para aceder ao interior da residência, segundo informações prestadas à nossa reportagem pelo filho mais velho da senhora, alguns dos suspeitos arrombaram o tecto do quarto das irmãs, e, já no interior, abriram a porta principal para que os demais entrassem.
Uma vez dentro, contou Adilson Manuel, de 25 anos, os marginais exigiram que lhes fosse entregue todo dinheiro que havia em casa, como que já soubessem da existência dos referidos valores. Aliás, explicou Adilson, no seguimento das exigências, um dos suspeitos efectuou um disparo ao tecto e outro diretamente na perna da sua mãe, dando em crer que não estavam aí para diversão.
Outrossim, revelou que a progenitora é proprietária de duas canoas para pesca, e o dinheiro roubado era referente ao pescado daquele mesmo dia.
De acordo ainda com o jovem, o assalto aconteceu num momento em que ele, Adilson, se encontrava na casa ao lado, juntamente com um amigo, e só se dirigiu à sua casa, acompanhado de amigos e vizinhos, quando ouviu os disparos e os gritos de socorro das irmãs mais novas.
Posto em casa, afirma, ante a vantagem numérica dos assaltantes e estando estes munidos de armas de fogo, para se evitar o pior, decidiu entregar metade do dinheiro, dividido em dois sacos de cada seis milhões, aos marginais, mas estes obrigaram a outra parte dos valores sob pena de colocar uma das irmãs na arca.
Ademais, soube ainda O Crime que, para além dos 12 milhões de kwanzas roubados, os suspeitos levaram, também, roupas e calçados da família.
Já a senhora Xinda Manuel foi levada ao hospital do Prenda, onde esteve a receber tratamento médico. A senhora teve fractura no fêmur e encontra-se a recuperar em casa de uma irmã.
O caso já é de domínio das autoridades, entretanto, até ao momento não há rasto dos envolvidos neste assalto.

Comentários do Facebook

Leave a reply