DETIDO GESTOR DE CONTAS POR SUBTRAIR DUZENTOS MILHÕES DE KWANZAS EM CONTAS BANCÁRIAS DE CLIENTES

0
274

O Serviço de Investigação Criminal da província do Bengo, deteve no passado dia 14, um cidadão nacional de 36 anos, gestor de contas do Banco Millennium Atlântico, acusado do crime de abuso de confiança qualificada e Falsificação de documentos, por subtrair 200 milhões de kwanzas em contas bancárias de clientes.

A informação foi avançada pelo Porta-voz do SIC Bengo, Peterson Cassule, que adiantou que os factos terão ocorrido desde o mês de maio do ano em curso, onde o mesmo foi detido com base em uma denúncia Pública e no seguimento de um trabalho de investigação feito pelo SIC, quando o acusado na qualidade de gestor de contas do Banco Millennium Atlântico, alterava as ordens de pagamentos e em seguida colocava as coordenadas bancárias de indivíduos conhecidos por si, para posterior apoderar-se dos valores monetários que eram transferidos nestas contas.

Peterson Cassule acrescentou, ainda que o acusado em causa, presumivelmente vem praticando de forma reiterada o crime, tendo sido calculado até agora um valor de duzentos milhões de kwanzas (200.000.000,00).

De acordo com o porta-voz, o cidadão em causa e mais quatro indivíduos acusados nos crimes de abuso sexual e furtos, presentes à imprensa no passado dia 16, já foram presentes ao Ministério Publico, que promoveu o primeiro interrogatório e decretou a medida de coação mais gravosa e deverão aguardar os ulteriores trâmites processuais em regime de Prisão Preventiva.

Share this:

Leave a reply