POR DESCONFIAR QUE NÃO ERA SEU FILHO: CIDADÃO MATA MENOR DE UM ANO DE IDADE

0
237

Um cidadão nacional de 22 anos de idade, foi detido na quinta-feira 03., pelo Serviço de Investigação Criminal da província do Bengo, por supostamente ter morto o seu próprio filho.

António Manuel, correspondente no Bengo

O mesmo matou o filho por estrangulamento, o caso ocorreu na província do Bengo, município Nambuangongo, bairro Terra Nova,

A informação foi avançada nesta sexta feira 04.11, 22, pelo agente de investigação criminal Peterson Cassule porta-voz do SIC no Bengo, que o facto terá ocorrido no pretérito dia 31.10.2022, quando o acusado asfixiou o menor até a morte, supostamente por desconfiar não ser filho dele, pois não tem a sua aparência, aproveitou o momento em que a esposa foi a lavra para consumar o facto.

Peterson Cassule, afirmou ainda que, o corpo do menor foi submetido à uma autópsia, dada às evidências que apresentava na altura e os resultados confirmam ser uma morte por agressão com base no estrangulamento, tendo o acusado, sido prontamente detido pelo SIC, para responder por um processo-crime, referindo igualmente, que, o mesmo cidadão já vem agredindo o menor há algum tempo.

O porta-voz do SIC, informou, ainda que, no âmbito das micro-operações realizadas nos últimos sete dias, o SIC deteve cinco cidadãos, com idades compreendidas entre os 16 e os 24 anos, acusados de diversos crimes, e, procedeu a apreensão de 01 viatura de marca Prado TXL cor preta, que está envolvida no crime de abuso de confiança e falsificação de documentos.

Os cidadãos em causa serão presentes ao Ministério Público para ulteriores trâmites processuais.

Share this:

Leave a reply